ministério da cultura

:: Kpac: Fabricando Toys


Toys em Marte


Kpac: Fabricando toys

 

Nosso planeta tornou-se monótono porque dominávamos a ciência, as artes, a astronomia, a física, a química e a biologia. O gosto pela vida estava atenuando cada vez mais. Cacéfalo não era mais o mesmo elixir que atraia uma vida cujo sentido nobre desertasse em seus habitantes uma vontade nata de existir.


Quando o homem atingir em quaisquer áreas a perfeição desejará ao caos. Porque se sentirá refém da previsibilidade que dará uma noção de falta do livre arbítrio de suas ideias, devido a compreensão total da lei que rege um argumento-evento. Então sobre a coisa perfeita o homem irá colocar imperfeição para devolver a natureza imprecisa dos fatos que o cercam.

Max Diniz Cruzeiro

Assim da angústia, soluções cada vez mais complexas foram elaboradas com a finalidade de dar sentido ao propósito divino da coexistência. Nossos cientistas traçaram um ambicioso plano de colonização de corpos celestes e construção de grandiosas estruturas, umas até maiores que planetas e sóis.


Para isto, um enorme arcabouço de conhecimentos de engenharia mecano-quântica foi migrado para plataformas virtuais e os voluntários do projeto foram acondicionados à redução do ensinamento pela interpretação temporal dos dados fabricados por potentes simuladores de realidade.


O primeiro passo foi a geração de Toys em larga escala para a criação de geradores de ação. Depois Toys para movimentos complexos, de interpretação e análise, e geração de fusos de mecanicidade. Depois Toys de estrutura biológica com limitada capacidade intuitiva para testar ambientes. Em seguida Toys andrógenos que misturavam princípios ativos com lógica difusa, mas sem consciência de suas ações. Mais complexo ainda Toys de consciência quântica com noção de espacialidade do meio que está inserido à semelhança dos criadores (Paraisanos). O próximo nível de criação foram Toys de acoplamento energético-biológico, o que os Paraisanos chamam de avatares, ou seja estruturas corpóreas utilizadas apenas para a transposição temporária de um Cacefalano para o desempenho de uma tarefa por um curto período temporal. Continuando, foram criados Toys nano-quânticos de adaptação a qualquer meio celeste, capaz de se locomoverem e orientarem suas necessidades de acordo com padrões físicos de quaisquer áreas do universo, não é necessário para este corpo o uso de estruturas mecânicas para transporte ou alimentação colhida por processos fisiológicos, a energia vital é extraída diretamente de fasores de intensidade de pressão e temperatura cujas propriedades estão presentes em quaisquer partes do universo. E por fim, os Toys de última geração foram desenvolvidos com o intuito de ter em seu interior o fator de previsibilidade, no qual um acontecimento futuro é algo manipulável em sua ocorrência – Toys desta natureza podem ser criaturas eternas se desejarem e devido grande responsabilidade de quem os possuem tem seu número limitado há poucas centenas de bilhões de unidades no universo.


Os Toys de geração de ação primeiramente são concebidos em unidades individuais de realidade virtual. Os praticantes – os Orzs – conectam-se voluntariamente às torres de transmissão de realidade, onde através dela projetam o objetivo a ser alcançado. A torre imediatamente, conforme o centro volitivo do cacefalano, responde com o conhecimento que está armazenado na biblioteca central. Com o processo de amadurecimento do conhecimento o Orz começa a manipular sensorialmente, dentro da realidade virtual planejada a montagem da estrutura que planejou executar. Todas as construções de engenharia mecano-quântica obedecem padrões de iniciação de produção similares. Os Toys de primeira geração – de geração de ação – são estruturas simples, similares a vírus, bactérias, fungos e parasitas desenvolvidos artificialmente para síntese de reações físicas, químicas ou orgânicas. Eles são os pré-colonizadores atmosféricos. São por natureza ativados por potenciais de ação, devido o fato de estar acondicionados a propriedades de estímulos de um meio, ou seja, uma carga voltaica com corrente elétrica capaz de ativar um princípio nano-molecular a partir de uma determinada intensidade e frequência de ação.


Toys de movimento complexo, de interpretação e análise, e geração de fusos de mecanicidade são por natureza aglutinadores de elementos químicos. No geral não necessitam de estruturas biológicas integradas em suas partes, porém caso a distância ou condições do clima impeçam o deslocamento constante das unidades, Toys desta natureza podem ter compostos biológicos para recomposição de partes ou reprodução. Sua natureza mecânica dá o status para este grupo de construtores de mundos, pois são capazes de construir qualquer objeto necessário para o deslocamento de massa.


Toys de estrutura biológica com limitada capacidade intuitiva para provar ambientes possuem apenas sistema nervoso autônomo, ou seja, apenas capaz de autorregulação interna de forma involuntária com a finalidade de adequação do corpo ao ambiente. Por não terem sistema somático, ou seja, capaz de orientar as reações sobre si mesmo pelo meio, as reações são isoladas, não tendo o ser consciência de sua existência no universo. É como se fosse uma massa que só serve para responder a estímulos e servir de objeto de estudo por parte dos Toys de interpretação e análise. Quando a interação com o meio não está adequada, tais “coisas” servem para promover a inserção de estruturas de Toys de geração de ação capazes de reestabelecerem o equilíbrio ecológico de uma área colonizada. Um exemplo para este tipo de Toy são as plantas do planeta Paraíso e pequenas estruturas encefálicas.


Os engenheiros mecanicistas colocaram os objetos mecanoanalíticos para coletar amostra dos Toys biológicos com limitada capacidade e os de princípios ativos com lógica difusa. Que pela classificação universal, por não terem coesão biológica e serem estruturas vivas meramente reativas não são classificados como seres vivos de natureza inteligente, porque seu processo de criação os condicionou a serem uma massa multicelular cuja união de um número determinado de células vivas promovem por interação uma sequência ordenada de reações físicas, químicas e biológicas.


Toys andrógenos que misturavam princípios ativos com lógica difusa, mas sem consciência de suas ações são estruturas vitais mais complexas que em Paraíso são conhecidos como animais. Suas estruturas vitais de decisão são restritas a acondicionamentos do meio atmosférico em que vivem. Mas o que é mais marcante em tais estruturas é que a capacidade de aprendizado é tão restrita que as rotinas somáticas priorizam apenas o essencial para alimentar, reproduzir e segurança. O equilíbrio dinâmico cerebral (homeostase) de tais Toys é reduzido a repetição de macroeventos de regulação da excitação (simpático) e inibição para repouso (parassimpático). Em alguns cantos do universo existem andrógenos mais complexos desenvolvidos especialmente para trabalhos mecânicos porque os fatores abundantes da região permitiram apenas a construção de humanoides funcionais para o desenvolvimento de tarefas de engenharia e suas vertentes tais como a mineração.


Toys de consciência quântica com noção de espacialidade do meio que está inserido à semelhança dos criadores (Paraisanos) são estruturas vitais com encéfalo desenvolvido. Em Paraíso a caixa de comando cerebral foi desenvolvida para este Toy com o objetivo de ter 3 camadas protetoras. A primeira cobre o cérebro e a medula espinhal e dá uma proteção esponjosa e suave, capaz de reduzir os riscos de uma queda (dura-máter). A segunda, é uma fina camada de tecido logo abaixo da camada mais externa (aracnoide) que não permite vazar o líquido vital para a nutrição cerebral (líquido cerebrospinal) e que também serve de transporte para as impurezas que entram dentro do organismo. Já a terceira, mais interna, é a camada mais fina que envolve todo o cérebro em suas fisusas ou reentrâncias. A razão de ser tão fina é para permitir que elementos vitais contidos no líquido cerebrospinal circule para dentro (alimento e medicamentos) e para fora do cérebro (resíduos e impurezas).  A irrigação interna no cérebro é feita por quatro canais (Vestíbulos) cujas reentrâncias estabelecem comunicação com todo o sistema nervoso central.


Os arquitetos idealizaram uma estrutura encefálica para os paraisanos em setores. O primeiro setor é a parte superior mais externa (prosencéfalo) que se divide um duas partes: a parte que regula a cognição e a previsão (Telencéfalo) e a parte que regula o comportamento motivado, ou seja, aquele que o ser tem a intenção de realizar (diencéfalo); uma região que canaliza os estímulos provenientes do sistema nervoso periférico (membros) chamada de mesencéfalo, capaz de gerar um sistema de distribuição e canalizar os estímulos dos membros inferiores para diversas partes do cérebro sobre o prosencéfalo; e por fim o terceiro setor é responsável pelo processamento sensorial e de atenção e excitação básicas é chamada de tronco encefálico (rombencéfalo) que é dividida em duas partes: o cérebro transversal (metencéfalo) e o cérebro espinhal (mielencéfalo).


Para a distribuição dos comandos cerebrais (eferências) e dos estímulos encaminhados pelos membros ao cérebro (aferências) os cacefalanos desenvolveram um tronco encefálico, que começa onde termina a medula espinhal e vai até o mesencéfalo, e uma medula espinhal.


Para o controle e a monitoração de uma variedade de movimentos amplos e finos foi criada uma estrutura chamada de Cerebelo. Na ponta do rombencéfalo, à frente do Cerebelo criou-se um órgão (Ponte) que coordena as informações normais do organismo ao ambiente unindo membros inferior e superior (cérebro). No diencéfalo, posicionou uma espantosa estrutura capaz de orientar respostas aos estímulos sensórias (tálamo),  regulação dos comportamentos motivados (hipotálamo) e inibição de estímulos que interferem no equilíbrio dinâmico corporal (hipófise). Elementos estes anteriores que os cacefalanos por intermédio de Freud segmentou em Ego (funcionamento da hipófise) e Superego (tálamo + hipotálamo + hipófise), sendo o Id apenas a canalização do estímulo da forma que é percebido sem comando do centro volitivo.


Para gerar emotividade ao ser humano foi criado um circuito de controle chamado sistema límbico, e para o controle dos movimentos corporais e voluntários no sentido de ligação com os glânglios basais.


Os circuitos de controle Motor foram idealizados a partir de sistema de motores chamados motoneurônios superiores (provenientes do cérebro) e motoneurônios inferiores (fibras musculares esqueléticas). Um sistema de ativação e chaveamento foi criado para os motoneurônios inferiores a fim de ativar um músculo. Imaginem uma bobina elétrica (fuso muscular), onde você pega um material que ao ser induzido eletricamente (fuso muscular) ele sofre uma reação no sentido de um estiramento ou alongamento em relação a sua posição de repouso.


Para isto é necessário que a fibra muscular saia da medula espinhal e se conecte ao músculo na região externa ao fuso – extrafusal – este tipo de motoneurônio inferior é chamado do tipo alfa. Enquanto, em outra parte do músculo para gerar um diferencial elétrico – diferencial de ação – é posicionado outra fibra muscular no interior do fuso (intrafusal) que causará uma diferença entre níveis de energia no seguimento que compreende o fuso, gerando a excitação no músculo devido a ativação da área eletromagnética no fuso muscular. Este motoneurônio inferior é chamado de gama.


A contração pode ser lenta ou rápida dependendo dos estímulos e variações entre as sinapses. E para controlar o tônus muscular (a intensidade do inchamento do músculo) foi criada uma estrutura chamada Órgão tendinoso de Golgi capaz de controlar a excitação para não permitir a ruptura do músculo caso um estímulo possa vir a afetar o músculo num processo de estiramento. O efeito de um estiramento é através de ativação conjunta (sinergia).


As vias motoras dos motoneurônios superiores circulam pelo interior da medula espinhal de forma descendente elas trazem informação do cérebro para controlar e regular a ação dos motoneurônios inferiores.


Toys de acoplamento energético-biológico, avatares, ou seja, estruturas corpóreas utilizadas apenas para a transposição temporária de um Cacefalano para o desempenho de uma tarefa por um curto período temporal. A diferença básica em relação ao Toy humanoide anterior para este é que além do sistema nervoso central (cérebro) que canaliza a junção de todas as informações sensoriais captadas do ambiente, o avatar possui conexão direta energética com o seu lugar de origem que pode ser Cacéfalo ou de outro lugar do universo cujos habitantes possuem tecnologia para desenvolver tais sistemas de acoplamento. Não é um tipo de possessão, e sim, o aproveitamento de material genético criado anteriormente ao processo de copulação em pares onde o “infiltrante” ou “corporeonauta” torna-se membro físico de uma sociedade num contexto atmosférico ou cósmico.


Geralmente os entrantes são responsáveis por projetos de sintonia fina, ondem preferem colher eles mesmos frutos de seus trabalhos consecutivos, provando por si próprios o ambiente para encaminhar os dados para seus laboratórios de realidade virtual e promover aperfeiçoamento sobre os Toys já desenvolvidos.


Provar um corpo pode gerar informações sobre as interações com o meio para ajustamento, progressão e componente evolutivo da força muscular; variações da massa muscular decorrentes de mudanças e variações do eixo gravitacional e eletromagnético da terra; contração muscular; tônus muscular (enrijecimento de um músculo); distúrbios dos motoneurônios inferiores; síndrome dos motoneurônios superiores; degeneração do sistema motor voluntário; patologia dos glânglios de base (distribuição dos reflexos periféricos no cérebro); distúrbios hipercinéticos (de falta de coordenação); e, controle dos movimentos.


Assim, tais mestres do conhecimento estudam meios de como conter a fraqueza muscular que afeta um dos lados do corpo (hemiplegia); a afetação do corpo abaixo do braço (paraplegia); e, quando afeta os quatro membros, a tetraplegia. Quando ocorre atrofia muscular resultante de lesão do sistema nervoso eles estão estudando sobre seus próprios corpos a atrofia neorogênica.


Quanto às contrações o estudo é dirigido para contrações involuntárias súbitas do músculo (espasmos); as câimbras que também são espasmos, só que de forma intensa e dolorida. Os abalos rápidos de fibras musculares sobre a superfície da pele em uma unidade muscular (fasciculações); Quando as contrações são internas sobre as fibras musculares não sendo visíveis sobre a pele são ditas como fibrilações; e, os movimentos anormais pela disfunção de glânglios da base. Os avatares tentam corrigir os problemas patológicos e de involução biológica da espécie principalmente dos efeitos das fibrilações que são sempre patológicas e das demais quando malignas.


Quanto ao tônus muscular ocorrem ainda dois problemas nos seres humanos de Paraíso, e que portanto os Cacefalanos estão concentrando seus estudos para correções: a flacidez muscular (hipotonia) e o enrijecimento acentuado desproporcional ao comando cerebral (hipertonia) que pode ser: em relação à velocidade do movimento (espástica) ou rígida quando o enrijecimento independe da velocidade em que se projeta o movimento.


Se os motoneurônios inferiores ou seu axônio é destruído os músculos afetados perdem reflexos, atrofiam, passam por paralisia flácida e fibrilações. Resolver estes problemas é um grande desafio em virtude da tecnologia migrada até o momento. Um exemplo de patologia relacionada ao motoneurônio inferior é a poliomielite, onde o vírus lesa o corpo anterior da medula espinhal (procure foto) e com o envelhecimento as vibras em nervo (desmielinizadas) perdem suas ramificações causando queda na forma muscular das pessoas.


A síndrome do motoneurônio superior foi observada pelos avatares nos reflexos da pele anormais, sequenciamento anormal quando os músculos são ativados, paresia e espasticidade. Outro problema ainda sem solução científica é o toque no pé promover flexão bilateral ou gerar espasmos musculares (sinal de Babinski). Já a perda da capacidade de fracionar os movimentos podem ser gerados a partir de um Acidente Vascular Cerebral (AVC). O que os mestres de Cacéfalo adiantam é que a tensão involuntária ao ser gerada como uma turbulência sobre a caixa craniana, resultante de tensão e aquecimento cerebral, ao ser sentido por uma pessoa, ela deve canalizar fluxos em seu corpo que induzam ao relaxamento do corpo. Esta prática diária irá reduzir em muito a possibilidade de AVC uma vez que o cérebro estará condicionado a reagir no sentido de ativar o sistema nervoso parassimpático responsável por dar equilíbrio as funções orgânicas do corpo. Caso contrário, se o indivíduo vincular o fator excitatório a elementos de potencialização do fluxo sanguíneo o acidente Vascular Cerebral poderá afetar a vida de quem o produziu silenciosamente.


Outro efeito observado é a lesão do motoneurônio superior que induza a reflexos repetitivos chamado de clônus. Assim, um relaxamento de um músculo provoca a contração consecutiva sobre o mesmo movimento.


A esclerose lateral amiotrófica é a ocorrência simultânea de paresia, espasticidade, hiperreflexia, sinal de babinski, atrofia, fasciculações e fibrilações. O grande passo para a humanidade será resolver este problema é desativar o gene responsável pela ativação da enfermidade que mata a maioria das pessoas em até 3 anos. Já a doença de Parkinson os sintomas são a rigidez, movimentação diminuída (hipocinesia), comprometimento visual-perceptivo e tremor de repouso.  A doença de Huntington causada pela falha na comunicação com o sistema nervoso periférico, onde as informações chegam até o cérebro, mas não são suficientemente canalizadas para as áreas eferentes, provocando ciclos repetitivos de processamento que não conseguem portas de saída abertas para o corpo e pela falha das conexões os movimentos com frequências apresentam confusão e desordem. Para amenizar esta patologia o paciente deverá encontrar um ponto de equilíbrio interior – um estado de meditação – que permita ele canalizar cada vez menos aferências para seu cérebro, para encontrar uma equação que torne sua vida mais equilibrada. Evitará a degeneração progressiva acelerada do cérebro e também demência em virtude do excesso de informações.


Outra patologia que deverá ser solucionada nos próximos anos são os distúrbios por movimentos por contrações musculares involuntárias, são considerados genéticos pelos paraisanos e não progressivos (Distonia). Seria uma degeneração biológica da replicação do DNA humano? Ou uma simples necessidade de inserção de um componente cromossômico retirado da carga genética passiva do indivíduo sobre si mesmo?


Outro tipo de enfermidade sem solução ainda que ocorrem movimentos involuntários anormais – abruptos e irregulares (coreia) – lentos e contorcidos sem objetivos (atetose) – chamada de Paralisia cerebral córeo-atetósica. O problema está concentrado sobre núcleos dos glânglios de base que na realidade é um canhão projetivo de estímulos sinápticos para as regiões aferentes e eferentes, a redução de seu funcionamento (hipocinesia) altera a velocidade dos movimentos voluntários e automáticos. A solução para lhe dar com o problema até que a cura ou regeneração dos glânglios através de células tronco seja uma realidade, é criar programações neurolinguísticas que devolvam certa mobilidade quando da manifestação voluntária e automática dos movimentos.


Já o cerebelo quando lesionado pode ocorrer a perda da coordenação motora (ataxia), má articulação das palavras (disartria), retardo na alteração dos movimentos (disdiadocinesia), imprecisão no deslocamento por certa distância (dismetria) e tremor do membro durante o movimento voluntário.


O controle postural é realizado nos seres humanos por três formas: pelas percepções disjuntas que são organizadas dentro do cérebro (somatossensorial); pela visão, e; pelo complexo centro auditivo (vestibular). Entendam por movimento a forma postural, a ambulação e o alcance/agarrar de algo. Graças a nossa colaboração em Cacéfalo, os paraisanos estão conseguindo desenvolver Métodos de eletrodiagnósticos que permitem comparar similidades entre partes e pessoas sadias com áreas afetadas por algum traço específico.


Aos Toys nano-quânticos de adaptação a qualquer meio celeste, capazes de se locomoverem e orientarem suas necessidades de acordo com padrões físicos de quaisquer áreas do universo, não é necessário para este corpo o uso de estruturas mecânicas para transporte ou alimentação colhida por processos fisiológicos, a energia vital é extraída diretamente de fasores de intensidade de pressão e temperatura cujas propriedades estão presentes em quaisquer partes do universo. Eles são fabricados em estruturas multidimensionais complexas com interação entre múltiplas realidades, inclusive as características do “absurdo” onde elementos físico-químico-biológicos jamais coexistiriam. São feitos para resistir ao tempo, por isto são seres de quarta-dimensão. Integram-se facilmente em quaisquer culturas e podem passar desapercebidos para a coleta de dados para a continuidade do projeto cacefalano.


E por fim, os Toys de última geração foram desenvolvidos com o intuito de ter em seu interior o fator de previsibilidade, no qual um acontecimento futuro é algo manipulável em sua ocorrência – Toys desta natureza podem ser criaturas eternas se desejarem e devido grande responsabilidade de quem os possuem tem seu número limitado há poucas centenas de bilhões de unidades no universo. São os seres angelicais, assim como os nano-quânticos. O que diferencia o primeiro do segundo é o grau de desenvolvimento tecnológico superior. Uma estrutura de Toy de última geração somente pode ser destruída ou destituída do seu corpo no caso de intervenção direta de outros Toys de mesma hierarquia. Pois a maioria seguiria numa busca e captura segundo padrões de um jogo de xadrez, onde a jogada final seria a cárcere ou a perda vital do corpo com informação antecipatória.

 

Assim digo, assim foi feito, assim se cristaliza a história dos cacefalanos.

Kpac



08/02/2014 - Max Diniz Cruzeiro
Eu quero participar!
Faça seu comentário

Critério

Crítica
Sugestão
Ideia
Desabafo
Elogio
Sentimento
Outro

Título


Somente palavras e/ou números

Seu comentário

Somente palavras e/ou números em português ou inglês
Limite de 500 caracteres.

Nota

-100 a +100

Cidade

Estado

País


Organização e ordenação de Registros Textuais
OortBook® organizando informações para melhor atendê-lo!



Este sitio respeta su modelo económico. Si usted es capitalista como para darse cuenta de las ganancias en el consumo de nuestros productos y servicios a pagar el valor monetario en relación con una parte de mérito en su nombre. Si el modelo se piensa pago Socialista con algún beneficio social que puede contribuir a la actividad de LenderBook. Si su modelo de pensamiento es la participación comunista y extender su ventaja a nosotros como pago.

Max Diniz Cruzeiro

Electronics Technician

Bachelor of Statistics

Post graduate in Clinical and Business Psychopedagogy

MBA in Marketing and Social Networks

Postgraduate in Clinical Neuroscience

Postgraduate in Psychoanalytic Theory

Doctor PhD Student in Philosophy - Psychology: Cognitive

Self-taught Writer

Self-taught Ufologist

Specialist Self-taught in Remote Sensing





:: A LenderBook recebe as seguintes moedas de troca por suas atividades:

# Conhecimento;

# Benefícios;

# Dinheiro em Espécie;

# Melhorias;

# Expansão Programada;

# Bens, produtos e Serviços;

# Valoração de nossas atividades (Imagem);

# Destaque e Reconhecimento

# Canalização de recursos para nossos players a fim de que o desenvolvimento percebido contemple nossas atividades.

Os pagamentos seguem de acordo com o Modelo de Percepção Econômica de nossos Clientes cuja base principal é a visualização de um BENEFÍCIO DE NOSSO CLIENTE em que uma parcela do GANHO DE NOSSO CLIENTE é revertido em moeda de troca para a Atividade da LenderBook de acordo com a consciência do CLIENTE. Nossos clientes estelares podem efetuar o pagamento conforme os meios legais estabelecidos dentro de seus agrupamentos e seus parceiros no planeta terra.

Max Diniz Cruzeiro

Agradecemos a todos os nossos Clientes Estelares que já efetuaram o pagamento das atividades nos encaminhando via telepatia projetos para a LenderBook COMO FORMA DE PAGAMENTO.

Agradecemos todos os nossos Clientes Capitalistas que já efetuaram a compra de nossos livros através da AMAZON

Agradecemos nossos Clientes Comunistas, em especial a Coreia do Norte, por INTERMÉDIO de sua Embaixada, pela retribuição inicial de um Jantar EM SUAS INSTALAÇÕES, como pagamento de nossas contribuições até o momento.

Agradecemos aos nossos Clientes Socialistas, principalmente amigos que contribuiram extendendo benefícios em suas horas de recreação, lazer e alimentação.


O TRABALHO ACIMA É SOBRE REDES NEURAIS: ACESSE A IMAGEM"
CLIQUE NA IMAGEM ACIMA: Neuroempreendimentos Aqui ensinamos você montar a Rede Neural de sua Atividade Empresarial!

:: Relatório do Concurso Whatsapp

Torno público todo o aprendizado, do concurso Whatsapp, que já encaminahdo para o SENADO FEDERAL e para o MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO.

O intuito deste informativo é a leitura seletiva, para que cada setor apenas adquira a informação relativa a sua área, caso você deseja fazer a leitura integral será de responsabilidade do leitor em saber das informações aqui catalogadas. É permitido divulgar essa informação nestes moldes para quaisquer seguimentos. (37 páginas de word) Para acessar entre na LenderBook

Atenciosamente,

Max Diniz Cruzeiro

LenderBook Company

www.lenderbook.com




100% of the production of texts is in Portuguese!
95% of text production is in English!
90% of the production of texts is in Spanish!
The records from 2105 to 52104 is a great mechanical phrase writing experiment crafted in excel!









ADIÇÃO (17/Jul/2017) NO SITE LenderBook

INSAUT MATERIAL PRINCIPAL DA LENDERBOOK



Listar índice completo...





Previsão para Setembro de 2016














O TRABALHO ACIMA É SOBRE REDES NEURAIS: ACESSE A IMAGEM"
CLIQUE NA IMAGEM ACIMA: Neuroempreendimentos Aqui ensinamos você montar a Rede Neural de sua Atividade Empresarial!


The film contains technology information!










Release (Book of Knowledge): Pay for this book the price of a Fast Food your city in our donation systems (paypal or Pague seguro).

Lançamento (Livro do Conhecimento): Pague por este livro o preço de um Fast Food da sua cidade em nossos sistemas de doações (Pague seguro ou paypal).


Version Original +- 4,3 MegaBytes
].....[
Version with Art +- 75 MegaBytes
].....[
Doando você estará ajudando alguém através de nossos projetos














Amigos,
Bom dia,
Ofereço serviços de impressão a Laser frente e verso de excelente qualidade:
Regra: o trabalho deve estar digitalizado e não necessitar de qualquer tipo de revisão
Especificação: Folha A4
Valores:
Apenas toner preto: 15 centavos cada página
Com toner colorido: 30 centavos cada página

Obs.: Não é serviço de xerox a qualidade é igual a impressão de livro. Não fazemos desconto. Os valores de impressão para este tipo de serviço no mercado é de 25 centavos para toner preto e 1 real para toner colorido.
Se souberem de algum estudante que queira imprimir algum trabalho de alta qualidade repasse o meu e-mail por favor. Conforme o volume entrega no dia seguinte. Serviço realizado no período noturno. Necessário pedir com antecedência para entrar na fila de impressão.
Enviamos o material impresso através dos Correios para sua casa (Impressão + custos de envio). Aproveite a oportunidade selecione nossos textos que enviamos para você o seu arquivo digital impresso. Pagamento antecipado via paypal ou pagseguro.
lenderbook@gmail.com

A rede social da Cultura Brasileira
Disponível para todos que nutrem um amor inconfundível por esta pátria chamada Brasil.

Uma iniciativa do Ministério da Cultura - Governo Federal




Site designed and supervised by Clinical Neuroscientist.

Site desenvolvido e orientado por Neurocientista Clínico.

Max Diniz Cruzeiro



Welcome to Heavenly groupings

The brothers who are outside the celestial vault,

thanks for your existence,

Come to us all that comes from you what is good,

Is made a conscious and collective will,

On Earth as elsewhere

Let us be worthy of our own support

Spare us the misunderstanding that arises from our essence

Just as we are able to reflect and

limit the badly that arises within us and in relation to other beings

If you know of any fault of mine, show me the way to recover.

To build together a heavenly nation for the common good.

Bem-Vindos aos agrupamentos Celestiais

Aos irmãos que estão fora da abóboda celeste,

obrigado pela sua existência,

Venha a nós tudo o que procede de ti que for bom,

Seja feita uma vontade consciente e coletiva,

Assim na Terra como em outros lugares

Sejamos merecedores de nosso próprio sustento

Perdoai-nos a incompreensão que aflora de nossa essência

Assim como somos capazes de refletir e limitar o mal que aflora dentro de nós e em relação a outros seres

Se souberes de alguma falta minha, me mostre o caminho para me recuperar.

Para construirmos juntos uma nação celestial para o bem comum.

We need financial resources for the translation of our texts and if you are able to perceive a human gain in your life with our information please consider donating to our activity.

Nós necessitamos de recursos financeiros para a tradução de nossos textos e se você é capaz de perceber um ganho humano em sua vida com nossas informações favor considerar a possibilidade de fazer doações para nossa atividade.













The star contains more than 2,000 pages of information!








Insaut - Pular Informações corporativas e ir para o texto


10 ANOS DE LENDERBOOK





INSAUT TOP